domingo, 22 de maio de 2011

Por que você escolheu a carreira de ser professor?

Essa é uma pergunta um tanto inusitada! Estou corrigindo provas, preparando outras, pensando em aulas que possam por si só oferecer um feedback do aproveitamento dos conteúdos e suas relações com outras áreas do conhecimento, que essa pergunta surge. De fato, ser professor é uma profissão nobre, exigente, comprometedora e altruísta. Muitos descobrem que querem ser professores já na infância, brincando de “dar aulas” ou admirando um professor(a) que lhe já atenção pela metodologia utilizada em sala de aula. Outros percebem que o magistério é uma possibilidade profissional diante de experiências mais maduras sobre sua orientação vocacional. O importante é que a escolha para ser professor não poderia ser a última alternativa, ou seja, já que não dá para ser isto serei professor. Precisamos pensar que o magistério é uma profissão muito séria para brincadeiras e faz de conta. Não podemos ir para a sala de aula sem planejamento e flexibilidades. É preciso estar preparado para uma contínua construção e desconstrução. Nós aprendemos diariamente com nossos alunos. Mas, também, é necessário que o professor seja pesquisador, leitor e compreenda que uma escola não é igual à outra, que uma turma não é a mesma em relação à outra e que dentro de uma sala de aula vamos encontrar diferenças. Alguns conversam mais, outros são mais quietos, uns aprendem rapidamente, outros precisam outros tempos, ou ainda nos convidam continuamente a repensarmos nossas metodologias de ensino, geralmente preparadas para um grupo padrão. É preciso perceber que na maioria das vezes, senão sempre, vamos encontrar turmas heterogêneas e que precisam mais do que um professor, um educador que não está preocupado com horário de trabalho, com as notas de final de período ou aplicação de provas, mas com a qualidade do ensino de uma maneira ampla e profunda, focada no ser humano e em suas aptidões. Podemos conferir isso na dedicação que nossos alunos apresentam na realização de pesquisas, projetos, apresentações de trabalhos, saraus, teatros, fóruns, anotações em sala de aula e outras formas de participação. É na diversificação dos métodos de ensino, aptidão e comprometimento docente que vamos auxiliar efetivamente nossos alunos na realização de seus sonhos e projetos de vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário